Wanda Lúcia Pinheiro

Gente - Teresópolis


 

Galeria de Fotos

< >

Conhecida como "a repentista de Teresópolis", Wanda Lúcia Pinheiro é famosa na cidade onde nasceu, por conta das poesias que inventa de sopetão, ao ser solicitada. "Tem gente que me para na rua e pede para eu falar uma coisa bonita, rimada, para levar e dar de presente para alguém", ela conta.

Wanda Lúcia Pinheiro. Foto: Isabela Kassow / Diadorim Ideias

O talento surgiu na adolescência, quando Wanda olhava para as pessoas e sentia o ímpeto de fazer poesia; e quando, depois de ir à igreja, treinava em casa, no cabo de uma vassoura, as posições que via os músicos religiosos fazerem ao violão.

Nascida em 1966, ela compõe e canta todo mês no evento Cultura de Raiz, promovido pelaa Casa de Cultura Adolpho Bloch. Beijinho Doce, de Nhô Pai, imortalizada por Eliana Macedo e Adelaide Chiozzo, é emoção certa na voz de Wanda, que sempre vai às lágrimas quando a interpreta.

Com poucos recursos, ela foi uma das vítimas da enchente sofrida pela cidade em 2011: a casa onde morava, em Campo Grande, foi interditada. A situação da "repentista de Teresópolis" levou Léo Bittencourt e Regina Carmela a produzirem o documentário De repente, que mostra Wanda voltando ao local do deslizamento de terra e constatando que todas as casas em volta da sua haviam desabado. O documentário foi exibido pelo canal Futura.


Serviço

Endereço: Teresópolis - RJ
Telefone: (21) 7617 1993

Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro Petrobras

Apple Store Google Play

Coordenação, Produção e Conteúdo    Diadorim ideias & comunicações