Tia Marina

Gente - Barra do Piraí


 

Galeria de Fotos

< >

Navegue pelo Mapa

Tia Marina trouxe a cultura do jongo para Barra do Piraí. Ela viveu mais de 70 anos na cidade, mas nasceu em Conservatória, distrito de Valença, onde o Quilombo São José faz todo ano uma festa em 13 de maio. À frente de seu grupo de jongo, sempre comparecia. Ia muito 'tirar o jongo' em cidades como São Paulo, Volta Redonda e Vassouras. Hoje o grupo que ela criou se mantém com 10 componentes, liderados por seus filhos Marcelo e Rosângela. O integrante mais jovem tem 10 anos. Eles batem o caxambu ? o tambor grande ? e dois candongueiros ? os pequenos.

Tambores que Tia Marina ganhou de um músico de chorinho de Volta Redonda, Carlos Henrique Machado Freitas, que também gravou uma composição dela, O Limão, no CD O Vale dos Tambores. Ela mesma foi à cidade e subiu ao palco para cantar. "O teatro estava lotado de branco, todo mundo querendo me abraçar", lembrava, emocionada. A roda oficial do grupo ocorre no dia 31 de maio em comemoração ao aniversário da Tia Marina, matriarca de uma família de 13 filhos (dos quais só sete ainda estão vivos), 17 netos e 16 bisnetos. Para eles, ela não se cansava de cantar: 'Eu joguei a prata n'água/ Ela boiou e foi ao fundo/ Eu jurei e fui buscar/ Meu caxambu no fim do mundo".

Tia Marina faleceu aos 93 anos, em setembro de 2013.

Tia Marina. Foto: Isabela Kassow/ Diadorim Ideias


Serviço

Endereço: Barra do Piraí - RJ
Telefone: (24) 9958-9020/ 2442-4254 (Daniel Alves dos Santos, diretor do jongo e genro de Tia Marina)/ (24) 9954-3207 (Rosângela dos Santos, filha)

Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro Petrobras

Apple Store Google Play

Coordenação, Produção e Conteúdo    Diadorim ideias & comunicações