Racha de Nossa Senhora

Outras Atrações - Arraial do Cabo


 

Navegue pelo Mapa

Arraial do Cabo guarda uma imagem de Nossa Senhora no meio do mar.  Segundo os moradores, a santa foi encontrada por um pescador na fenda de uma gruta.

Racha de Nossa Senhora. Foto: Cris Isidoro / Diadorim Ideias.

Avisado o padre,  a imagem foi levada em procissão para a igreja local. A santa teria desaparecido do templo, surgindo novamente na gruta. Mais uma vez foi levada para a igreja e misteriosamente voltou à gruta. O fato inexplicável teria se repetido algumas vezes, até que a imagem foi deixada no local onde foi encontrada ? uma belíssima fenda na enseada da Praia dos Anjos. A santa original foi enviada para Cabo Frio e ficou uma réplica em seu lugar. Já as versões para a trajetória da misteriosa imagem encontradas nos livros "Memórias Históricas do Rio de Janeiro", de Monsenhor Pizarro, e no "Auto de Aparecimento da Imagem", do historiador Alberto Lamego (pai), são bem menos fantasiosa. Segundo Lamego, o pescador Domingos André teria achado a santa, no dia 4 de setembro de 1971. Era uma imagem de entre 25 a 28 centímetros, esculpida em pau de nogueira. É a partir daí que a versão dos livros difere da lenda: a imagem, afirmam tanto Pizarro quanto Lamego, nunca foi levada para a igreja de Arraial, sendo  transportada, em procissão solene no dia 2 de outubro de 1971, para a Igreja Matriz de Cabo Frio (munícipio ao qual, na época, Arraial pertencia). Por ordem de Dom João V, foi erguida uma capela anexa à Igreja Nossa Senhora de Assunção, em homenagem à Virgem Aparecida. A imagem permaneceu na capela até ser roubada, em meados dos anos 80, sendo desconhecido seu paradeiro  atual. No altar dedicado à virgem, encontra-se hoje uma réplica da imagem original, assim como na gruta em Arraial.

 Foto: Cris Isidoro / Diadorim Ideias.


Serviço

Endereço: Praia dos Anjos

Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro Petrobras

Apple Store Google Play

Coordenação, Produção e Conteúdo    Diadorim ideias & comunicações