Miguel Bezerra

Gente - Nova Iguaçu


 

Galeria de Fotos

< >

Miguel Bezerra nasceu em 1951, em Paraibano (CE), pertinho de Fortaleza. Aprendeu com o pai a diferença entre o repente e o cordel e, desde os dez anos de idade, não gagueja e não esquece uma rima. Se não ganha um desafio, empata.

Em 2011, o repentista foi aclamado pelo Núcleo Cultural de Palmas, no Tocantins, como a "Dicção mais Perfeita", o "Verso mais Rápido" e a "Viola mais bem tocada". Não faltam prêmios na casa onde ele vive, em Nova Iguaçu, há mais de 30 anos.

Quase todo mês Miguel empunha a viola e viaja. Já foi a Portugal, onde participou do Festival dos Improvisadores, uma boa lembrança que ele guarda do ano de 2001. Ele conta, sem modéstia nem afetação, como levou vantagem sobre um concorrente cubano, que cantava em português, mas não fazia decassílabos nem cantava galope, e se perdeu na sextilha.

Miguel saiu com o primeiro lugar e guarda a vitória com o maior orgulho. O feito é fruto de muito estudo e trabalho, mesmo sem escolaridade formal. "Cantador do dia a dia", como ele classifica a profissão, lê revistas, livros didáticos, restos de jornais. Histórias, ciências, tecnologia, todos os assuntos cabem no repente.

Miguel Bezerra  tem cinco discos gravados e uma lista quase interminável de parceiros igualmente expressivos na Baixada: Ivanildo Vilanova, Severino Ferreira, Antonio Aleluia, Natan Soares, Raimundo Santahelena, Marcos Lucena, João de Oliveira e José Nilson.

Já participou de mais de dois mil desafios. Antes, foi zelador, cobrador de ônibus. Nas praças, ele descobriu que queria mesmo era viver da provocação e da resposta rápida.

Casado há 40 anos com dona Maria José, que conheceu nos tempos "em que a rapadura nem doce era", Miguel vive, tranquilo, na casa que construiu em Nova Iguaçu. Tem três filhos e, por enquanto, nenhum herdeiro no repente. 


Serviço

Telefone: (21) 2695- 1391

Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro Petrobras

Apple Store Google Play

Coordenação, Produção e Conteúdo    Diadorim ideias & comunicações